Posted in Comunicados

ALGFUTURO ARRANCA EM 2016 COM 56 NOVOS DIRIGENTES, COM A MISSÃO DE ABRIR AS PORTAS DO PROGRESSO

– Face aos problemas e desafios, reivindica e tem esperança : que os poderes públicos em Lisboa e Bruxelas olhem de frente para a Região; e que o próximo Presidente da República faça cumprir a Constituição, para que a regionalização aí prevista avance.

– A União pelo Futuro do Algarve elegeu no final do ano por voto secreto  e  unanimidade de votos a favor os seus primeiros Órgãos Sociais para o triénio 2016/2018, composta por 56 membros de reconhecidos méritos, de todos os setores e zonas e em que 70% são ou foram dirigentes associativos. Em Presidente da Algfuturo ficou José Vitorino, com vasto currículo técnico e experiência empresarial e associativa ( 25 anos dirigente) e desempenho de cargos públicos nacionais, regionais e locais; em Presidente da Mesa da Assembleia Geral, está José Lourenço Santos,com grande experiência de direção e gestão hoteleira ,é empresário  de sucesso e lidera o Grupo Luna Hotéis & Resorts, presente em Portugal, Angola e Moçambique; e para Presidente do Conselho Fiscal foi eleito José Bento, conhecido Advogado em Faro.
– Com forte representatividade como Associação Empresarial, mas também abarcando a vertente sociocultural,a União assume-se como a Provedora do Algarve com a Missão e esperança de contribuir para abrir as portas do progresso e justiça social regional. Juntamente à sua ação inovadora, a chave do sucesso está em conseguir que os poderes de Lisboa e Bruxelas passem a olhar de frente para o Algarve, pondo fim às costas viradas que têm empurrado a Região para uma profunda incongruência. Por um lado, tem grande potencial, recursos humanos capazes e contribui decisivamente para o equilíbrio das contas públicas com as divisas do turismo (6.000 milhões/ano) mas, por outro, os problemas estruturais e dificuldades das suas gentes mantêm-se sem soluções à vista, casos da saúde e outros problemas sociais, sazonalidade e implicações complexas na gestão empresarial e emprego, fraca promoção no turismo e debilidade noutros setores, desequilíbrios no interior e serra, etc.
– O projeto inovador e aberto a todos da Algfuturo concilia a Provedoria de defesa e reivindicação, com trabalhos pioneiros e parcerias ativas com entidades públicas e outras instituições e tem legítimas expetativas num futuro melhor. Em particular, espera que o novo Presidente da República ,como lhe compete, faça cumprir a Constituição para desbloquear o processo da regionalização aí previsto, pondo assim termo à situação de  inconstitucionalidade por omissão, de  que resultará em especial para o Algarve um enorme salto no desenvolvimento e com redução dos gastos públicos no funcionamento do aparelho do Estado.


Informações complementares

1. São também órgãos da Associação,a Direção, o Fórum Estratégico Regional do Algarve ,o Conselho Empresarial e a Comissão Executiva.
A Direção é presidida por inerência pelo Presidente da Associação e tem mais 45 membros, sendo 20 Vice-Presidentes: Clara Carapeto ( serviços e prof. Ens.Secund.); Liberto Mealha( turismo); André Dias( turismo e pescas); José Ferreira do Rosário( turismo e outros); Carlos Monteiro( serviços e prof.Ens. Sup.); Daniel Maymone( médico); Manuel Romão( agric. e prof. Ens.Sec.) ; Maria Julieta Paradinha( solidariedade); Horácio Ferreira( agric.); José Miguel( comérc.); Daniel C. Dias( serv. saúde); António Barnabé(Com. e turismo); João P.Henriques(turismo/florestas); Rui Salero Viegas( const.civil/imobil.); Nelson Guerreiro( serv./desporto); Manuel Augusto Paz( pescas); António Fernandes( desporto); Nuno Batista( juventude); Américo Telo( agric. da serra); João Santos( industria).
2..Lembramos que desde final de Maio quando foi feita a sua apresentação pública, a  Algfuturo foi dirigida por uma Comissão Instaladora cujo Coordenador era José Vitorino. Ao ato eleitoral concorreu uma única lista, que obteve a unanimidade de votos expressos a favor, entre Associações,Grupos Empresariais, empresas e Aderentes em nome individual.

3.José Vitorino, é Licenciado em Finanças e Engº Técnico Agrário e como dirigente associativo foi: co-fundador e Presidente: da CEAL- Confederação dos Empresários do Algarve;do  MRA-Movimento da Região e Progresso do Algarve; e da UNIPROFUTAL-União dos Produtores Horto-Frutícolas do Algarve. Fez também parte do Conselho Empresarial da AEP e preside à Mesa da Assembleia Geral da Associação Nacional dos Movimentos Autárquicos Independentes e ao Movimento dos Autarcas Independentes em Faro. Em cargos públicos, foi Secretário de Estado da Emigração e Comunidades Portuguesas, Deputado à Assembleia da República, Governador Civil de Faro, Presidente da Câmara Municipal de Faro e Vereador.
José Lourenço Santos, tem formação superior , preside à Agência de Promoção de Albufeira e o Grupo desenvolve a atividade e gere 14 unidades hoteleiras. com uma oferta de 4.500 camas.

Partilhe este artigo!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin